A mexerica carioca desperta o interesse e move à busca pelo saber no Infantil 3 A

Unidade: Funcionários | 26 Apr 2021

Durante um dos lanches das aulas do Infantil 3 A, crianças e professoras comiam frutas que haviam escolhido. O aluninho Gustavo Salles de Abreu Chagas, que chupava uma mexerica carioca, perguntou à mamãe: “A mexerica carioca é do Rio de Janeiro?” Guga, como é carinhosamente chamado por todos, relacionou o nome da fruta à sua origem porque tem uma tia que mora no Rio de Janeiro e, portanto, tem esse conhecimento.

A pergunta do Gustavo gerou interesse na turma e promoveu nele o interesse pelo saber!

O Infantil 3 A teve a oportunidade de ampliar o conhecimento acerca da mexerica carioca com uma pesquisa realizada pelo Gustavo e a mamãe. E, surpresa!... As crianças receberam a visita, on-line, da tia do Guga, Ana Beatriz Tomás Salles, a “Tia Anita”, que mora no Rio de Janeiro, e contou aos colegas e professoras algumas curiosidades sobre essa fruta:

- A mexerica é chamada de tangerina, no Rio de Janeiro.
- Existem dois tipos de mexerica: a ponkán, que tem a casca mais grossa, e a carioca, que tem a casca mais fina.
- Com a mexerica pode-se fazer bolo e suco.
- A mexerica tem gominhos e dentro dos gominhos ficam as sementes.
- A árvore da mexerica se chama mexeriqueira.

A palavra mexerica começa com a letra M, e tem outras frutas que começam com essa letra: morango, melão, melancia, mamão e manga.

As crianças aprenderam com “Tia Anita” que a palavra carioca é de origem indígena: o termo vem de duas palavras tupi: kara'iwa (homem branco) e oka (casa). Juntas, elas significam "casa do homem branco". Os índios passaram a usar a expressão logo depois da fundação do Rio de Janeiro, para se referir à cidade.

As professoras Daniela Libânio e Karine Hellen aproveitaram a oportunidade para mostrar aos pequenos alunos como o conhecimento amplia a vida e que devem se interessar por tudo o que está à sua volta para aprender cada vez mais!

O Gustavo, a mamãe e sua titia carioca demonstraram generosidade em ensinar e proporcionaram um momento de aprendizagem em um ambiente de muita alegria!

“Tia Anita” manifestou: “Gostei muito de participar da aula e de conhecer vocês! Fiquei muito feliz com o convite!”